Menu de Páginas do Blog

Gestão | Empreendedorismo | Carreira

Os terrenos férteis da Nova Liderança, na visão de Napoleon Hill

Publicado por em 20/01/12 em Administração, Opinião | 0 comments

Raras vezes vemos algumas predições resultarem tão acertadas com as que fez Napoleon Hill no seu livro “Quem pensa Enriquece” (Fundamento, 2009), escrito em 1966. Já naquela época ele falava sobre a necessidade de quebrar os paradigmas e reinventar o modelo de liderança, área que ele catalogava como terreno fértil. O cargo de assessor de dois presidentes estado-unidenses certamente dava-lhe o cacife necessário para lidar com temas relacionados à liderança. No final do artigo há link direcionado à biografia de Napoleon Hill. Vamos direto ao assunto: Líderes políticos Na visão de Hill, a política era o campo que mais necessitava de uma renovação na liderança, pois segundo dizia: “Os políticos, em sua maioria, parecem ter se transformado em escroques legalizados, aumentando impostos e corrompendo a máquina administrativa, até tornarem inviável a vida dos cidadãos” “Os políticos, em sua maioria,...

Continue lendo

Quero ser patrão, mas… vai ficar caro?

Publicado por em 24/12/11 em Administração | 2 comments

Respondo da seguinte maneira: Caro para alguns, barato para outros. Tudo depende da sua capacidade de gerenciamento. Todos já ouvimos casos de pessoas que começaram do zero e tornaram-se gigantes, enquanto que outros, que tinham capital de sobra, fracassaram. Não que aqueles sejam melhores que estes, mas a forma com que administraram seus recursos fez toda diferença. Neste artigo vamos analisar alguns aspectos financeiros referentes ao projeto de abertura e gerenciamento de um negócio. Análise inicial De início os investimentos abrangem todos os itens necessários para abertura de um negócio. Para isto, é necessário calcular de forma realista, o capital exigido para dar o pontapé inicial e a posterior manutenção do empreendimento. Considere a necessidade de suprir os custos dos primeiros meses de atividades, pois este é um período crítico no qual é comum não haver retornos imediatos. Levará...

Continue lendo

Características do novo milênio e os desafios do gestor no mercado

Publicado por em 19/12/11 em Administração | 0 comments

Escrever sobre as características de gerenciamento do novo milênio não é uma tarefa fácil, pois seria como tratar de abranger os possíveis acontecimentos dos próximos 988 anos. O que de fato é impossível. No entanto, considerando o brasil-centrismo do momento e o desenrolar dos preparativos para os próximos eventos de grande porte no país (Copa e Olimpíadas), é possível desenhar o que nos espera no mercado da gestão para o futuro próximo. Pleno emprego Até 2016, a pesar da festa do caqui e do mau uso dos recursos públicos nas obras da Copa, das Olimpíadas e de outras firulas, o Brasil continuará em crescimento constante. É o que afirmam os economistas mais otimistas. Nos anos seguintes aos eventos, o crescimento promete ser ainda maior. Isto significa uma economia aquecida e uma demanda maior por mão de obra qualificada e...

Continue lendo

As bases da Administração

Publicado por em 15/11/11 em Acadêmico, Administração | 0 comments

A tarefa de administrar exige do administrador pleno conhecimento dos fatores que envolvem o exercício da administração. Não é a toa que 38% das micro e pequenas empresas declaram falência e encerram suas atividades antes dos dois anos de vida. Vou mais além, 62% delas estarão fechadas antes dos cinco anos de existência, segundo o SEBRAE-SP. O principal fator que contribui para este alto índice de mortalidade empresarial está na sua má administração, claro que podem haver exceções, mas no geral, o problema consiste em como são administrados. A administração é: “…o processo de tomar decisões e alcançar ações que utilizam recursos para alcançar objetivos.” (Maximiano, A. C. A.) Lá no primeiro semestre de ADM, todos aprendemos na aula de Teoria Geral da Administração alguns conceitos sobre as bases da administração. Um deles são os três pilares: Objetivos, Recursos,...

Continue lendo

A Inter-relação entre “O Príncipe” e “Maquiavel – O Poder”

Publicado por em 09/11/11 em Administração | 2 comments

A princípio não entendi quando, lá no 1º semestre da faculdade de Administração, o professor de TGA I nos indicou o livro “Maquiavel – O Poder”, porém no decorrer da leitura percebi como José Nivaldo Júnior, autor do livro, conseguiu expôr o sentido da teoria formulada em O Príncipe, por Nicolau Maquiavel, no século XVI, com respeito às diferentes características dos governantes e administradores em geral e às formas com as quais conquistam e aplicam o poder até hoje. Até hoje? Sim, pois uma vez que começamos ler O Príncipe, percebemos como sua mensagem permanece contemporânea. Para José Nivaldo Júnior, O Príncipe “… foi uma obra escrita, para alcançar resultados muito claros e definidos.“ A respeito do marketing político diz que “… é exatamente isto: o conjunto de atividades que visa à conquista, a manutenção e a expansão do poder.” Em...

Continue lendo

Liderança e poder: As essências do líder

Publicado por em 24/10/11 em Administração | 0 comments

Não se chega a ser líder por acaso. A cada dia, a ideia de que “o líder não se faz, se nasce” fica mais obsoleta. Até a pessoa mais tímida da Terra pode tocar o topo do mundo e tornar-se um líder exitoso. Mas não de forma empírica. O treinamento, a capacitação contínua, as vivências e a autodeterminação são indispensáveis para absorver as essências da liderança. Em síntese,  é algo que exige muito esforço. São duas as variáveis que determinam uma liderança eficaz: a consideração (relacionadas às pessoas), a estrutura (aspectos técnicos). Segundo Henry Kissinger, “liderar é a habilidade de levar as pessoas de onde estão para onde nunca estiveram”.  Assim, liderar é uma habilidade, as habilidades não nascem conosco, são adquiridas (ou não), no transcurso da vida. A capacidade de influenciar, motivar e persuadir do líder estão ligadas...

Continue lendo

PDCA – Foco na melhora contínua

Publicado por em 04/10/11 em Administração, Ferramentas, Planejamento | 0 comments

Quero dedicar esta entrada a todos os empreendedores, iniciantes ou veteranos. Antes porém, devo deixar claro que a referência vai além da pessoa do patrão, do comerciante, do negociante. Aqui estão incluídos todos os que, de certa forma, estão comprometidos com resultados. Um blogueiro, por exemplo, almeja o aumento da audiência de seu blog e/ou  obter algum rendimento real com a sua atividade online. Isto, tecnicamente, o torna um empreendedor. O PDCA – Plan, Do, Check, Act ou Planificar, Executar, Verificar e Agir, pelas suas siglas em Inglês, é um ciclo de desenvolvimento focado na melhora contínua. O sistema foi criado por Walter A. Shewhart, mas amplamente implementado e divulgado por W. Eduards Deming e consiste em acompanhar um processo desde a sua idealização até os resultados. Mas o processo não termina, por isto é chamado de “o ciclo...

Continue lendo

Princípios da Administração Científica – Frederick W. Taylor

Publicado por em 05/09/11 em Acadêmico, Administração | 145 comments

Graças ao engenheiro Frederick W. Taylor (1856-1915), a Administração é hoje uma ciência. Os Princípios da Administração Científica, dos quais Taylor é considerado pai e idealizador, tem como característica principal a ênfase nas tarefas com o objetivo de aumentar a eficiência operacional. Antes que Taylor desenvolvesse suas teorias, os próprios empregados administravam a linha de produção das fábricas. Tudo era feito empiricamente e sem nenhum controle por parte da direção das empresas que, em muitos casos, desconhecia o processo de produção. Como resultado a produtividade era baixíssima, pois os próprios sindicatos induziam os funcionários a produzir menos, porque assim, segundo se pensava na época, seus empregos estariam garantidos por muito mais tempo. Por incrível que pareça, a tática funcionava. Foram trinta anos de estudo até que Taylor publicasse sua teoria – acompanhada de fatos – conhecida como os “Princípios de...

Continue lendo

Falha na comunicação

Publicado por em 22/08/11 em Administração, Estratégia | 0 comments

A comunicação é a “ação” em “comum” para receber e transmitir  mensagens. Tanto no blog/site como em uma empresa, uma mensagem mal transmitida pode ter resultados catastróficos que vai desde uma confusão generalizada até a prejuízos financeiros. Coloquialmente falando, é a hora que o bicho pega! E como todos sabem, a corda sempre arrebenta do lado mais fraco. Compilei a seguir uma história bastante conhecida; trata-se de um comunicado do presidente de uma empresa convidando todos os funcionários para observarem o fenômeno da passagem do cometa Halley próximo à Terra. Mas ele não contava com a confusão que se geraria pela falha na transmissão da mensagem, que passou por toda a hierarquia da empresa, sofrendo numerosos ruídos de comunicação. Leia: DE: Presidente PARA: Gerente Na próxima sexta-feira, às 17:00 horas, o cometa Halley estará nesta área. Trata-se de um evento...

Continue lendo