Menu de Páginas do Blog

Gestão | Empreendedorismo | Carreira




Se perdemos que se f***

Esse post será curto. Não precisa mais. A frase do líder Cristiano Ronaldo(CR7), que para muitos é um dos maiores gênios do futebol atual, fala por si só. Numa simples linha ele conseguiu reunir características como: liderança, motivação, assumir risco controlado, orientação, reconhecimento, capacidade, determinação, sangue nos olhos e faca nos dentes. Dê play no vídeo abaixo e veja do que estou falando.

A frase foi dirigida a João Moutinho na hora do vamos ver, na cobrança de pênaltis contra Polônia, que valia a passagem para a próxima fase decisiva da Eurocopa 2016, da qual, aliás, CR7 foi campeão inquestionável com Portugal.

Pois bem, a seleção de Portugal venceu o jogo(e o campeonato) ali, na hora em que o líder agiu como líder. A decisão nos pênaltis e os próximos jogos passaram a segundo plano e tornaram-se meros detalhes do espetáculo.

E o que isso tem a ver com a gente?

Bom… de um jeito ou de outro, o empreendedor é um líder: às vezes de uma equipe, às vezes de si mesmo. E empreendedorismo é isso: não se pode apegar a detalhes, a firulas, a traumas, a medinhos. Apenas vá. Respira e vai. E se errar, que se f***. Perder faz parte do jogo. Mas ganhar também.

About Antonio Martins Jr.
Fundador e gestor do blog Enfoquenet. Bacharel em Administração de Empresas. MBA em Gestão Estratégica. Autodidata na maior parte do tempo. Webdesigner, com ênfase no WordPress desde o início do século. Aficionado em fotografia e jardinismo.

4 Comments

  1. Estou vivendo uma fase de muito aprendizado, em várias áreas da vida, com conhecimentos oriundos de locais jamais imaginados. Consegui compreender de uma forma mais maciça e segura os passos para atingir minhas realizações pessoais em todas as áreas que desejo, mas no que diz respeito a finanças parece estar “estagnado”. Mas só parece amigos, só parece! Quando nós fazemos parte do seleto grupo de pessoas que se entrega de corpo e alma na louca viagem em busca da realização pessoal, enfrentaremos momentos de dúvidas e crises, incertezas e medo, mas não devemos temer nada! Como disse com muita propriedade o Antonio Martins no comentário acima, de momentos como esses surgem idéias revolucionárias que farão a diferença ao mundo; é a partir daí que a mente cansada e talvez temporariamente incrédula, recebe a justa recompensa pelo esforço, garra e fé, vendo um universo se possibilidades se abrir. É experimentando essa incrível sensação que olhamos para trás muito gratos pelos perrengues vividos e muito seguros das novas escolhas. Ansiar pelo futuro ou se arrepender pelo passado nos coloca fora do HOJE E DO AGORA, E É AGORA o tempo para novas estratégias! A “crise” criará novos empreendedores que por sua vez inventarão novas formas de se fazer tudo! Vamos sonhar, realizar e revolucionar! Se errar, que se f***.

    • Geison,

      Teu comentário salvou o ano, fera!!!

      Abraços!

  2. Concordo plenamente. As pessoas têm se preocupado com a crise e esquecem que o verdadeiro “x” da questão é se estão ou não capacitadas para o mercado de trabalho, basta correr atrás e se preparar, pois as portas sempre estarão abertas para um profissional capacitado.
    Devemos lembrar que não existe um começo sem um fim, se perdemos um emprego, logo ganhamos a oportunidade de recomeçar, reavaliar nossos erros e corrigi-los, mostrar para nós mesmos que somos capazes e podemos levantar e construir uma história de sucesso em nossas vidas.

    • Isso Janaina!

      Muito bem colocado ;-)

      Inclusive, os maiores cases de sucesso forma construídos após o stress de uma derrota/crise/dificuldade. É só pesquisarmos sobre os primórdios da Sony, Natura, Avon, Apple, Boticário, McDonalds, Coca Cola e Airbus entre outras, para termos uma melhor ideia disso.

      Abraço!

Comente o post!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *