Menu de Páginas do Blog

Gestão | Empreendedorismo | Carreira

Made in China: Os 10 mandamentos dos empreendedores chineses

Há algum tempo, um documentário espanhol mostrou um pouco sobre o comportamento da comunidade chinesa naquele país e a forma como aos poucos, porém muito rápido, os empreendedores chineses estão dominando os negócios em alguns bairros por lá.

Achei o assunto bastante interessante como para transcrever aqui, resumidamente, os 10 mandamentos chineses mencionados no documentário.

Mandamentos dos empreendedores chineses

1º Mandamento: A escolha do local comercial

O custo do aluguel ou da aquisição de um local comercial está entre as maiores despesas de qualquer empresa de pequeno e médio porte e, quanto mais bem localizado for o local, maior será a despesa que o negócio terá para adquiri-lo. Uma estratégia utilizada pelos chineses é observar os negócios melhor localizados, que não andam muito bem e negociar o menor preço possível.

2º Mandamento: Começar o quanto antes

Na mentalidade chinesa, quanto mais jovem o empreendedor começar, melhor. A idade média de ingresso nos negócios é de 23 anos. Alguns começam, inclusive, aos 18. Também não se pode perder tempo pensando se o negócio é viável ou não. Se algo der errado, eles sabem aproveitar, pelo menos, a experiência proporcionada pelo seu insucesso.

3º Mandamento: Não ter apego ao negócio. Se não deu certo, tem que mudar

Se um negócio não vai bem, os chineses não perdem tempo acumulando prejuízos. Eles são empreendedores e, se não há benefícios no curto prazo, fecham as portas e pronto! Imediatamente se dedicam a outra coisa, e não se fala mais nisso.

4º Mandamento: Concorrência é um bom sinal

Para os chineses a concorrência entre patriotas não é um empecilho, mas, sim, uma oportunidade. Segundo eles, da concorrência nascem os bons negócios. Copiar e imitar quem se deu bem, não é tão mal visto assim. O pensamento é mais ou menos este: “Se todos os chineses nos agrupamos com os nossos negócios na mesma região, as pessoas virão até nós para comprar. Assim, tanto eu como o meu concorrente seremos beneficiados.”

5º Mandamento: Não se conformar com um só negócio

É comum, para um ocidental, tornar-se escravo do seu próprio negócio. Mesmo quando a ideia original era a de ser “dono do seu próprio nariz” ou “trabalhar menos”. Quando um chinês considera que o seu primeiro negócio vai bem, abre o segundo e, ainda, um terceiro. Ele não gasta todo o seu tempo em um só negócio.

6º Mandamento: Contratar somente chineses para trabalhar

Raramente um chinês se sente explorado. Talvez, daí venha a fama da “mão de obra barata”. Ele começa a trabalhar a troco de um salário irrisório. Se o negócio decolar, o chinês contará com experiência de sobra para iniciar o seu próprio negócio. E o melhor: seu patrão, que também é chinês, o ajudará!

7º Mandamento: Pagar os impostos

Eles são meticulosos com o pagamento dos seus impostos. De outra forma, não lhes seria permitido pelas autoridades espanholas o funcionamento dos seus negócios.

8º Mandamento: Dar ao cliente o que precisa, mesmo sem entendê-lo

Se algum cliente pedir um produto que eles não têm, em poucas horas estarão procurando por alguém que forneça tal produto. Escutam sempre ao cliente e procuram ter uma grande variedade de produtos para oferecer. O idioma não é problema para o chinês. Ele sempre dá um jeito de entender o seu cliente.

9º Mandamento: Nunca pedir empréstimo ao banco

Esse é um ponto que se faz interessante, principalmente, por causa da nossa cultura de recorrer ao crédito ou aos empréstimos bancários sempre que precisamos de dinheiro.

Os chineses não são dados ao ócio. Por isso, economizam tudo o que recebem enquanto estão trabalhando. Sem gastos extras, conseguem economizar mais. Com as economias, montam os seus negócios. Para eles é uma vergonha trabalhar a vida inteira por conta alheia. Se as economias deles não for suficiente, pedem emprestado a familiares, amigos e, pasmem!, até mesmo para os seus concorrentes. E o conseguirão sem nenhuma dificuldade. Mas pedir dinheiro ao banco, jamais!

10º Mandamento: Quando um setor está saturado, procurar outro.

Eles são experts em encontrar espaços vazios no mercado e nichos que possuem um potencial maior daquilo que, aparentemente, está diante dos nosso olhos. E sabem aproveitar muito bem estas oportunidades.

O vídeo original completo do documentário está no Youtube: www.youtube.com. Os 10 mandamentos estão a partir do 20º minuto do vídeo.

Bom, se funciona pra eles, também poderia funcionar para nós, não?

About Antonio Martins Jr.
Fundador e gestor do blog Enfoquenet. Bacharel em Administração de Empresas. MBA em Gestão Estratégica. Autodidata na maior parte do tempo. Webdesigner, com ênfase no WordPress desde o início do século. Aficionado em fotografia e jardinismo.

Comente o post!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *