Menu de Páginas do Blog

Gestão | Empreendedorismo | Carreira

O líder também erra? – Os 5 erros dos líderes

Tenho notado um grande volume de artigos direcionados em auxiliar profissionais que assumem cargos de liderança a se adaptarem aos novos comportamentos exigidos pelo mercado. Sabemos que a teoria, muitas vezes, está distante da prática e, para torná-la palpável, é necessário tempo e muita dedicação.

O processo para a excelência na liderança pode conter erros que devem ser ajustados durante o percurso. Na verdade os erros sempre acontecerão, ou melhor, sempre acontecem. Segundo um artigo publicado na revista Você RH, existem alguns erros mais comuns – e mais danosos – que são cometidos pelos lideres. Se algum dia você pensou que líderes são seres perfeitos e não cometem erros, você está muito enganado. Separamos cinco erros mais cometidos entre esses profissionais. São eles:

1. Não conduzir a mudança

Sem mudanças, qualquer organização, assim como organismos vivos, perde o vigor e acaba morrendo. Líderes que não proporcionam ou estimulam mudanças em suas equipes estão colando o trabalho em risco. O líder deve fazer o papel de base e transmitir segurança aos seus seguidores. Incentivar ousadia, energia e acompanhar todo o processo de perto é fundamental para o desempenho da própria organização.

2. Não administrar conflitos corretamente

Todos os profissionais desejam trabalhar em um ambiente de trabalho leve e prazeroso. Quando um conflito não é bem resolvido, a tensão e o estresse tomam conta da rotina e diminuem a produtividade e o entrosamento da equipe. Para que fazer vista grossa, se estimular e facilitar a conversa e colocar tudo em pratos limpos pode solucionar de vez o problema de relacionamento entre a equipe? Preze por uma equipe unida e capaz de trabalhar em conjunto. Não seja cumplice dos desentendimentos e, desfavoreça de vez o ambiente pesado causado pelas picuinhas.

3. Não dar feedback

É errando que se aprende, não é? Então por que sentir medo de apontar os erros? Não tire o direito de seus liderados de saberem onde estão errando para poderem corrigir os erros ou de saberem o que estão fazendo certo para manterem. Um bom líder sabe elaborar feedbacks construtivos que apenas somarão no crescimento dos profissionais. Seja sempre transparente e mostre-se amigo de sua equipe. Não dar o feedback correto apenas atrasará o trabalho e o desempenho do profissional.

4. Ser distante e indisponível

Uma das tarefas de um líder é delegar tarefas. Porém, o que tem acontecido muito é que, a delegação de tarefas acontece e o líder não acompanha sua execução. Líderes que atribuem tarefas e se desligam completamente do projeto acabam abandonando sua equipe. O correto a se fazer e atribuir as tarefas e manter-se acessível para quaisquer que sejam as dificuldades encontradas. Crie canais de comunicação para que você e sua equipe estejam sempre ligados no desenrolar dos projetos.

5. Não dedicar tempo suficiente para criar laços

Um líder que não se interessa em conhecer e criar laços e empatia com pessoas está no caminho errado. Dizer que pessoas estão sempre no topo de suas prioridades, mas não proporcionar formas para criar laços com elas não é a melhor maneira de alcançar sucesso nas relações interpessoais. Você não é obrigado a gostar de todo mundo, mas deve conhecer e entender o que motiva cada um. Isso leva tempo e vai além das automáticas oito horas diárias de serviço. Conheça as pessoas que estão ao seu lado para que o resultado final do trabalho (e o caminho percorrido) seja cada vez melhor.

About Mariana Melissa
Graduada em Gestão de Recursos Humanos, descobriu o Endomarketing e o poder da Comunicação Interna. Porém, descobriu também que somente a faculdade não seria suficiente e, partir daí, começou um trabalho de pesquisas e fundamentações teóricas sobre o tema. Já trabalhou com Recursos Humanos, Comunicação Interna e Endomarketing. Atualmente está imersa nos projetos do Ideia de Marketing atuando como produtora de conteúdo, gestão de pessoas e gestões de projetos.

2 Comments

  1. Nem todo mundo é perfeito… Li em um dos artigos que quem se cobra somos nós mesmos e não a sociedade! Então… Está na hora de se aceitar… Já que estamos tentando fazer o nosso melhor, sempre! Bola pra frente… Só chutando para acertar o gol!

    • Oi Camila, que bom te ver por aqui!

      Sua afirmação é correta. Todo mundo erra. E erra muito. Mas a cada chute errado, a bola chega mais perto do gol. Vai chegar um dia que só daremos “bola dentro”. Neste dia, as “bolas fora” serão cada vez menos comuns. É aí que viramos o jogo!

      Abraço!

Comente o post!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *